INSTITUCIONAL

TODOS OS DIAS COM VOCÊ DESDE DE 1837

Hinos da Polícia

Todas as organizações cantam: cantam os fiéis e os corais nas igrejas, cantam os soldados e policiais nos quartéis, cantam os funcionários de empresas orientais ao iniciar-se o expediente, cantam os escolares, cantam os escoteiros, cantam os membros de clubes de serviço, canta o povo nos eventos esportivos e artísticos, cantam as corporações, as cidades e nações interpretando seus hinos.

A música está presente na Polícia Militar desde os primórdios da Instituição. Já em 07 de abril de 1857 foi organizado o conjunto musical do então denominado Corpo Policial Permanente, que se destinava a auxiliar a instrução e proporcionar lazer aos membros da Milícia.

Foram esses músicos que acompanharam os "Permanentes", pela estrada das Lágrimas, quando desciam a serra do mar rumo ao porto de Santos e, dali, rumo ao teatro de operações do Paraguai, recebendo-os, posteriormente, de retorno do front, quando retornavam a São Paulo.

A esse tempo, a Instituição não possuía um hino, limitando-se seus integrantes a cantarem canções patrióticas, militares (aproveitadas do Exército Imperial) e populares, muitas vezes acompanhados apenas por violão, como ocorreu, por exemplo, durante a "Retirada da Laguna", segundo registrou Alfredo Taunay em sua obra homônima à campanha.

O primeiro ensaio de uma canção que identificasse a Força Pública revelou-se durante os momentos que antecederam o movimento constitucionalista de 32. Poucas horas após os graves episódios acontecidos na Praça da República, em 23 e 24 de maio, e que resultaram na morte de Martins, Miragaia, Dráuzio e Camargo, o radialista César Ladeira adentrou às dependências da rádio Record e pediu ao operador que colocasse uma marcha militar como fundo para difundir a notícia aos ouvintes.

Quase acidentalmente, o operador tomou o primeiro disco disponível sobre o tema e veiculou a marcha "Paris Belfort". Essa canção, composta durante a guerra franco-prussiana de 1870, foi trazida a São Paulo provavelmente pelos componentes da missão francesa de instrução da Força Pública (1906/1914 – 1919/1924) e adotada pela alma popular como um entusiástico e verdadeiro hino do movimento constitucionalista que eclodiu a 09 de julho de 32.

A Canção da Polícia Militar

Em 1964, o então Comandante Geral da Força Pública, General João Franco Pontes, obteve do poeta Guilherme de Almeida a letra, que o Major Maestro PM Alcides Jácomo Degobbi, musicou. Surgia assim a "Canção da Polícia Militar".

A estréia da composição deu-se no pátio interno da Academia de Polícia Militar do Barro Branco em 15 de dezembro de 1964.

Explicando a Canção

FEIJÓ CONCLAMA - O padre Diogo Antonio Feijó, ministro da Justiça da Regência Trina, face à insegurança do país, assolado por graves perturbações, extinguiu, a 10 de outubro de 1831, todos os corpos até então encarregados da segurança pública, determinando que cada Província organizasse um único corpo policial, composto exclusivamente por voluntários, em serviço permanente, e que se encarregasse de "... manter a tranqüilidade pública e auxiliar a Justiça". Surgia, desse modo, a célula mater das polícias militares brasileiras.

PM SEMPRE AO SEU LADO!

APP INFORME

O App funciona abertamente e facilita as denúncias contra os crimes hediondos ou organizado. As denúncias recebidas pelo serviço serão repassadas automaticamente para a base de dados da inteligência da PM.

BAIXE O APLICATIVO DA POLÍCIA MILÍTAR

INFORMATIVO DE RECUPERAÇÃO DE ACESSO

DTI - DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Para você ter acesso a área reservada de serviços do Policial Militar do Amazonas com o login único, você precisa utilizar seu login de acesso do sistema comando web, caso você não possua terá que se dirigir a DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - DTI/PMAM que fica localizada no Comando Geral da PM ou entrar em contato com o suporte técnico pelo telefone: (92) 98842-1813 ou E-mail: dti@pm.am.gov.br e solicitar seu login de acesso.

RECUPERAÇÃO AUTOMATIZADA VIA SMS

Solicite do P1( responsável pelo setor pessoal ) de sua unidade que o mesmo atualize sua ficha cadastral com seus dados telefônicos em dias, depois de atualizado você pode clicar aqui para recuperar seu acesso via SMS utilizando seu celular cadastrado dentro do sistema.

Recuperar meu acesso utilizando meu celular



IMPORTÂNCIA DO ACESSO E RESPONSABILIDADES

Na Área Reservada, o policial militar terá acesso a documentos, requerimentos, serviços e sistemas de atendimentos prioritário de forma online e eficiente aos sistemas da polícia Militar do Amazonas, caso você esteja de acordo a nossa Politica de privacidade. O código secreto (senha) a ser escolhido pelo usuário e gravado no sistema é de uso pessoal, intransferível e de conhecimento exclusivo. É da inteira responsabilidade do usuário policial militar do Amazonas todo e qualquer prejuízo causado pelo fornecimento de sua senha pessoal a terceiros, independente do motivo, não deixe de trocar sua senha pelo menos uma vez ao mês ou quando sentir necessidade.